13 agosto 2008

Na reta final!

Faltando menos de 72 horas para o concurso de Campinas, os kits começam a ficar prontos. Hoje, colocando estaiamento no trem de pouso, finalizei o Albatros D.III do Adolf von Tutschek.



Von Tutschek nasceu em 1891, na Bavária. Como tantos aviadores, começou em terra, na infantaria, e foi intoxicado com gás na batalha de Verdun. Longe do front por meses, foi para a força aérea imperial assim que se recuperou, inicialmente como piloto de bipostos. Passou a piloto de caça no Jasta Boelcke e em abril de 1917 já era comandante do Jasta 12, onde marcou a maioria de suas 27 vitórias. Em agosto de 1917, foi derrubado e passou mais alguns meses fora de combate. Ao voltar, tornou-se comandante do Jagdgeschader II. Em 15 de março de 1918, Tutschek morreu quando seu Fokker Dr.I foi derrubado pelo ás sul-africano Harold Redler. O piloto alemão recebeu a Cruz de Ferro, a Cruz de Cavaleiro da Ordem Militar de Max-Joseph, a Cruz de Cavaleiro com Espadas da Casa Real de Hohenzollern e, por fim, a Pour Le Mérite.

O Albatros D.III que montei é o usado pelo piloto no Jasta 12 no segundo trimestre de 1917, número serial 2274/16. O kit é o da Revell. Muito, mas muito ruinzinho. Zero de interior, não vinha nem assento, só uma figura de piloto que devia encaixar na parte interna da fuselagem. Peguei um assento não lembro onde e coloquei no lugar. As metralhadoras eram horríveis, peguei umas de um kit da Roden. E, na verdade, o avião do Tutschek nunca me atraiu visualmente. Mas, por ser todo preto, foi a minha escolha para um kit que vinha em plástico vermelho. Os decais são da Pegasus, uma folha genérica de insígnias alemãs que também traz vários decais de hélice.

O estaiamento foi feito com fio de aço Ethicon .004" -- admito que não fiz o estaiamento todo, faltaram dois cabos que ligam as pontas das asas superior e inferior em cada lado. Não coloquei porque depois de algumas tentativas vi que a coisa estava acima da minha habilidade no momento. Mas ainda assim é o primeiro kit em que fiz estaiamento "de grande escala", digamos, com cabos entre as asas, da asa pra fuselagem, etc.

Vejam aí as fotos. Ele estará em Campinas, caso os leitores queiram conhecê-lo pessoalmente.




Um comentário:

dfernetti disse...

Hermoso! Pero parece el avión de Batman en 1917!